Anúncio
in

Atitudes falhas que você faz e precisa abandonar para ter mais dinheiro

Foto: Reprodução
Anúncio

“Durante 24 anos da minha vida eu não era boa em lidar com dinheiro. Não sabia lidar bem com ele, gastava muito mais do que podia e consegui criar uma dívida de algumas centenas de milhares de reais em um período de um ano. Eu só consegui sair dessa situação quando parei para refletir sobre alguns hábitos e percepções que eu tinha em relação a dinheiro.”

Esta foi a fala da especialista em planejamento financeiro, Júlia Mendonça, que durante muito tempo não teve controle sobre sua própria finança, mas após anos de estudos a consultora de finanças negociou suas dívidas, trabalhou bastante para conseguir juntar dinheiro e finalmente sanar as dívidas. “Porém, se não fosse essa mudança na minha cabeça, as coisas voltariam a ser como antes ou até piores. “

Anúncio

Graças a sua experiência, Júlia conseguiu separar 3 atitudes que prometem ensinar sobre o mundo das finanças, com objetivo de te trazer mais dinheiro sem precisar lidar com investimentos. Leia a seguir:

1 – Vergonha

“Ter vergonha de onde você está, quanto tem na sua conta corrente, que carro e roupas você usa não vão levar a lugar algum.” Mesmo que a sua realidade não seja a mais desejada por você hoje, não se deve sentir vergonha a ponto de mentir sobre suas conquistas ou fazer uma dívida grande só para mostrar que leva uma outra vida.

Anúncio

Não foque no passado e não ache culpados pela sua situação atual. Mas faça uma análise de quais atitudes te trouxeram para o momento atual e descubra como pode mudar isso e evitar esses mesmos erros no futuro.

Pense na frase: “se eu não tivesse passado pelas situações que passei, não estaria aqui hoje e não teria a bagagem que tenho” e busque suas vitórias.

2 – Você não deve nada a ninguém

Anúncio

Todos são responsáveis por suas escolhas e atos, por isso você não tem que tentar arrumar a vida das outras pessoas. “Quantas vezes escutamos de pessoas que agora sim acharam um emprego maravilhoso e as coisas vão mudar, que deste ano não passa aquela viagem que estão programando há anos e nunca sai do papel, que agora sim vão poder pagar todas as dívidas, etc., entra ano, sai ano, e a situação está igual ou até pior.”

Nesse momento desejamos ajudar as pessoas, que muitas vezes estão batalhando por tanto tempo e não conseguiram realizar seus planos, mas saiba que você não tem obrigação alguma com esses problemas.

Anúncio

Mas o que fazer se quiser ajudar? A opção é ajudar somente se estiver dentro do seu alcance e jamais se coloque no lugar de responsável pela vida alheia.

3- Conselhos de terceiros

Tome bastante cuidado com os conselhos das pessoas, muitos adoram dar conselhos furados e desestimular quando veem que você está tentando melhorar a sua vida e prosperar. Cuidado com os conselhos do tipo: por que está gastando tempo com estudo? É bobagem! Acha que vai conseguir alguma coisa melhor do que isso na vida?

Anúncio

Ouvir e colocar esses hábitos em nosso dia a dia é muito danoso e infelizmente a única pessoa que sairá prejudicado é você mesmo. Reflita antes de tomar uma atitude, de se desestimular ou sentir culpa quando não foi você quem decidiu ou criou.

Anúncio