Anúncio
in

Cotas PIS/Pasep: R$ 24,6 bi ainda aguardam saque; descubra se você tem direito

Os valores “esquecidos” por trabalhadores já somam bilhões de reais. Ainda não sabe se também terá direito? Veja como consultar.

Cotas PIS/Pasep: R$ 24,6 bi ainda aguardam saque; descubra se você tem direito - Foto: Reprodução
Anúncio

O governo vem se atentando bastante aos valores pendentes do PIS/Pasep que permanecem esquecidos pelas pessoas. Para se certificar de que mais gente tome conhecimento do dinheiro esperando para ser sacado, uma nova forma de consultar essa disponibilidade está sendo oferecida.

Esse novo método foi autorizado pela Caixa Econômica Federal na última quinta-feira, 25. A forma simplificada de acesso permite que o indivíduo que tiver o dinheiro disponível já possa sacar após realizar a verificação por meio do aplicativo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Anúncio

Para se ter uma ideia, há mais de 10 milhões de cidadãos que têm quantias pequenas, médias e grandes que estão simplesmente paradas porque ninguém até então se prontificou para recebê-las. No total, os valores passam da casa dos R$ 25 bilhões. De toda forma, é importante lembrar que esse dinheiro é destinado especificamente às pessoas que trabalharam entre os anos de 1971 e 1988.

Se você ficou curioso sobre como tudo isso funciona, pode fazer a sua consulta com o aplicativo do FGTS que está disponível tanto para Android quanto para iOS. Para ter acesso às informações, basta seguir os passos abaixo:

  • Se na página inicial do app houver a mensagem “você tem saque disponível”, clique em cima dela;
  • Escolha a opção “solicitar o saque do PIS/Pasep”;
  • Confira os seus dados;
  • Confirme o saque.
Anúncio

Caso faça a transferência para uma conta bancária de sua preferência, ela não é tarifada. Se o seu desejo for de sacar esse dinheiro em espécie, basta ir com o seu cartão social até um posto de autoatendimento da CEF ou então em alguma agência das loterias. Apenas lembre-se que o limite diário de saque é de R$ 3 mil.

Como receber os valores de trabalhador falecido?

Há também a situação onde o indivíduo que tem direito ao dinheiro faleceu. Nesse caso, os herdeiros têm direito a receber os valores em seu lugar. Para isso, basta seguir as orientações abaixo:

  • Acesse o seu próprio perfil no app do FGTS;
  • Faça a solicitação do recebimento na categoria “meus saques”;
  • Escolha a opção “outras situações de saque”;
  • Selecione a opção “PIS/Pasep – Falecimento do trabalhador”;
  • Forneça os documentos que forem solicitados e confirme o pedido.
Anúncio

Além disso, é importante ter em mente que não estamos falando da cota comum do PIS/Pasep, ou seja, aquela que tem a ver com o tempo trabalhado em um único ano base. Esse seria o abono salarial, mas ele já foi pago esse ano para os profissionais aptos ao recebimento. No caso, aqueles que trabalharam formalmente durante o ano de 2020.

A situação abordada aqui diz respeito aos cidadãos que foram funcionários formais durante o período de 1971 até 1988. Dessa forma, o mais aconselhado antes de a pessoa querer solicitar o dinheiro é realmente conferir se tem direito a ele, pois assim não há riscos de haver nenhuma confusão.

Anúncio