Anúncio
in

PIS de até R$ 1.212: saiba quem pode sacar o dinheiro na Caixa

Saiba como resgatar o benefício pago pela Caixa aos trabalhadores que trabalharam com carteira assinada por pelo menos 30 dias.

Foto: Reprodução
Anúncio

Até o dia 29 de dezembro de 2022, a Caixa Econômica Federal realiza o pagamento do PIS 2022 aos trabalhadores de empresas privadas que ainda não resgataram os recursos no banco.

O valor pode chegar a um salário mínimo, hoje em R$ 1.212, caso o cidadão tenha trabalhado por um ano completo em 2020, ano-base considerado para a apuração. Confira os detalhes a seguir!

Quem pode receber o benefício?

Anúncio

Para ter acesso ao benefício, o trabalhador deve atender os seguintes requisitos:

  • Ter realizado atividade remunerada para Pessoa Jurídica por pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
  • Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base;
  • Estar cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos 5 anos;
  • Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial.

Como consultar quem tem direito ao PIS?

Para consultar o PIS, basta o trabalhador acessar o aplicativo Caixa Tem ou o aplicativo Caixa Trabalhador, ambos disponíveis nas lojas de aplicativos de celulares Android e iOS.

Anúncio

Também é possível consultar a disponibilidade do benefício por meio do atendimento Caixa Cidadão, no número 0800 726 0207. Outra forma de consultar a disponibilidade do benefício é por meio dos canais de atendimento do Ministério do Trabalho e Previdência.

Como sacar o PIS 2022?

Caso a pessoa tenha relacionamento com o banco, o pagamento do benefício acontece via conta corrente ou poupança Caixa. A pessoa também pode ter acesso ao benefício também por meio do app Caixa tem.

Anúncio

Para o saque em espécie, com o Cartão Social e senha, os cidadãos podem receber via caixas eletrônicos, lotéricas ou correspondentes Caixa Aqui. Ir até uma agência do banco também é opção, desde que a pessoa tenha em mãos seu documento oficial.

Anúncio