Anúncio
in

Real Digital: como vai funcionar moeda virtual do Brasil, prevista para 2023?

Foto: Reprodução
Anúncio

A partir de 2023, o Brasil terá a sua própria moeda virtual, chamada de Real Digital. Essa novidade vem para agregar mais aos métodos de pagamentos digitais, os quais já contam com a plataforma Pix e várias opções de carteiras virtuais. Na verdade, o que se espera é que os testes da nova moeda comecem a partir de 2023.

Todas as informações a respeito do Real Digital foram fornecidas pelo próprio Banco Central (BC). Ele é a autoridade financeira responsável por regular todos os processos referentes ao tema no Brasil.

O que é o Real Digital? Entenda melhor o assunto

Anúncio

Como fica evidente pelo próprio nome, o Real Digital nada mais é do que a versão virtual da moeda brasileira. O nome oficial para esse tipo de ativo é Central Bank Digital Currency (CBDC) e a sua aplicação está sendo utilizada por todo o mundo.

A viabilização da nova moeda para o mundo digital ajudará na ampliação das transações por dispositivos eletrônicos e pela internet. Desde 2021 o tema vem sendo debatido e testado por um público seleto de participantes do mercado que analisam as viabilidades tecnológicas da nova moeda.

Em 2023, a população vai poder experimentar o novo dinheiro digital

Anúncio

De acordo com o BC, a partir de 2023, os consumidores do país inteiro terão acesso ao projeto piloto de testes para o novo Real Digital. “A moeda digital do Banco Central será uma expressão da nossa moeda soberana. Com ela, será possível oferecer novos serviços e maior segurança para transações realizadas de maneira digital”, afirmou o economista do Banco Central Fabio Araújo, em comunicado oficial.

Ainda segundo as informações, os benefícios da nova moeda incluem a facilidade de utilizar o dinheiro em qualquer lugar do mundo, já que a conversão seria feita de modo automático. Vai dificultar o crime de lavagem de dinheiro e tende a estimular processos de inovação no setor financeiro.

Anúncio